sexta-feira, 5 de junho de 2020

Nos Estados Unidos, em Whashington.

Monumento das Vítimas do Comunismo é vandalizado em Washington, D.C. por Antifas
Antifas picharam e vandalizaram monumento em homenagem às mais de 100 milhões de vítimas do comunismo. Movimento no Brasil é chamado de "democrático"
Oliver - SensoIncomum
Na última segunda-feira, terroristas antifas picharam e vandalizaram o Memorial das Vítimas do Comunismo, em Washington DC, EUA.

O diretor executivo da Fundação das Vitimas do Comunismo, Marion Smith, disse que antifas não promovem a justiça ao zombar de um dos maiores genocídios da história da humanidade.

Smith lembra que o site da Fundação já foi alvo de ataques de socialistas e antifas no ano passado.
(1/2) Last night the Victims of Communism Memorial in DC was vandalized. 
You do not advance justice by defacing our country’s memorial dedicated to one of the largest victim groups in human history—those killed by communist parties in power.
(2/2) The culprits are not yet known. The site has been targeted by socialist extremist and Antifa groups in the past.

Um comentário:

Unknown disse...

ANTIFAS
O meu amigo Manezinho, diria:
Antifas, um carái.
Bando de feladaputa, sim!