quarta-feira, 12 de julho de 2017

Número de votos surpreendeu o governo
Planalto esperava 48 votos a favor da Reforma Trabalhista -- e não 50
Mauricio Lima - Veja.com
A votação da reforma trabalhista surpreendeu o governo. O ministro Antonio Imbassahy, que estava acompanhando a mobilização governista, tinha previsto um máximo de 48 votos. Os dois a mais foram creditados no Planalto à reação dos senadores ao vexame provocado pelas senadoras que ocuparam a mesa da Casa

Nenhum comentário: