quarta-feira, 7 de junho de 2017

Uma triste situação para um pai e homem de bem.

PAI DE ASSALTANTE FERIDO A BALA EM CAJAZEIRAS DESABAFA: SABER QUE ELE ESTAVA ROUBANDO, DÓI MAIS DO QUE SABER QUE ELE PODE MORRER.
Angelo Lima
É grave o estado de saúde do jovem Francisco Delfino Lins, vulgo Titico, que foi atingida com um disparo de arama de fogo à altura do rosto durante uma tentativa de assalto na tarde de ontem em Cajazeiras.

Por volta das 22 horas desta segunda, Titico foi transferido para Campina Grande.

Nesta manhã desta terça-feira, o conhecidíssimo Gilmar Aboiador esteve na Rádio Arapuan FM, oportunidade em que falou sobre este caso. Decepcionado, o mesmo relatou que Titico foi criando sem mãe e que Titico é pedreiro além de desenvolver outras atividades que garantiam seu sustento, no entanto, ele afirma não entender porque o jovem preferiu enveredar por esse caminho.

Ele disse que seu filho morava na comunidade de Almas Cajazeiras e quis vir pra cidade, decisão esta que chegou a ser questionada por Gilmar porque, aqui, o custo de vida é alto.

Gilmar disse que momento antes do crime esteve conversando como seu filho, e que próximo das 15 horas Titico disse que tinha que vir para Cajazeiras, pois tinha um serviço para fazer. “Qual era o serviço?… tirar a vida de um cidadão. Procurar buscar o que não era dele”, frisou seu Gilmar.

Ao falar sobre o estado de saúde de seu filho, ele confirma a gravidade da situação e disse ter que rezar muito para que ele sobreviva, “Pode ser que ele volte vivo Deus querendo, mas, que ele volte com outra cabeça com outro pensamento”, desabafou.

O genitor do assaltante disse que sofreu dois tiros: um, ao saber que seu filho foi atingido com tiro e outro, quando perguntou em que situação e, descobrir que foi por roubo.

Gilmar disse eis que surge um desabafo de um homem simples sem muito estudo e nem se precisa de tal ferramenta para ter caráter. “Pra mim a dor do roubo é maior, porque ela não ter limpeza. A água tira o “grude” da roupa suja, mas o nome de ladrão é difícil a água tirar”, pontuou.

Nenhum comentário: