sexta-feira, 12 de maio de 2017

SEIS PESSOAS SÃO PRESAS DURANTE SEGUNDA FASE DA OPERAÇÃO GABARITO; POLICIAIS MILITARES E AGENTE DO DETRAN ENTRE OS SUSPEITOS
Portal Tambaú 247
Seis pessoas foram detidas, nesta sexta-feira (12), durante a segunda fase da Operação Gabarito, que investiga fraudes em cerca de 60 concursos públicos desde 2005.

O delegado titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações da Capital (DDF), Lucas Sá, informou que foram descobertos novos certames onde a organização criminosa teria agido.

Os dados da apuração serão divulgados numa coletiva de imprensa a ser realizada na próxima segunda-feira (15).

Entre os detidos de hoje estão dois policiais militares, um agente do Detran-PB, uma funcionária da Prefeitura de Santa Rita que seria companheira de um dos chefes do esquema. Ela é também irmã do agente de trânsito Diogo Nascimento, que morreu em janeiro ao ser atropelado numa blitz da Operação Lei Seca. O advogado dela informou que a prisão é temporária e que vai pedir revogação.

Operação Gabarito - O esquema criminoso estava sendo investigado há cerca de três meses. No último domingo (7) foram detidas 19 pessoas. Uma casa, situada num condomínio de luxo de João Pessoa, era utilizada como base de apoio da quadrilha.

Segundo a investigação da Polícia Civil paraibana, mais de 400 pessoas foram beneficiadas pelo esquema fraudulento e mais de R$ 12 milhões foram conseguidos pela quadrilha.

Entre os concursos investigados estão: Guarda Municipal (João Pessoa, Bayeux, Cabedelo), Prefeituras Municipais (João pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Conde, Alhandra e outras cidades do interior da Paraíba), Câmara Municipal de João Pessoa, Corpo de Bombeiros da Paraíba, Polícia Militar da Paraíba e diversos outros concursos, a nível municipal, estadual e federal.

Nenhum comentário: