terça-feira, 9 de maio de 2017

Previdência: Será preciso ‘contribuir 49 anos para se aposentar’?
HELLEN GUIMARÃES, LEANDRO RESENDE, JULIANA DAL PIVA
Piauí

A Comissão Especial da Reforma da Previdência na Câmara dos Deputados aprovou o texto-base na semana passada. Nesta semana, o projeto deverá ser submetido ao Plenário da Casa. Em meio às discussões parlamentares, governo e oposição usaram as redes sociais e os microfones da Câmara para defender e atacar o projeto. A Lupa selecionou algumas frases para verificar o grau de veracidade delas. Confira abaixo o resultado:

Vídeo do PT sobre a Reforma Previdenciária:

“Querem te obrigar a contribuir por 49 anos para poder se aposentar”
Até a última quarta-feira (3), a Proposta de Emenda Constitucional para Reforma da Previdência fixava em 25 anos o tempo mínimo de contribuição para aposentadoria no Brasil – não mais do que isso. O trabalhador que cumprisse esse período poderia solicitar o benefício, mas só receberia 51% da média de suas remunerações, acrescida de 1% para cada ano excedente.

Segundo essa versão do texto, 49 anos seria o prazo de contribuição previdenciária mínima para aqueles que quisessem ter aposentadoria integral, receber valores cheios.

Mas esse texto sofreu alteração. Na quarta-feira, o relator da PEC 287, o deputado Arthur Maia (PPS-BA), apresentou um substitutivo, e a nova versão agora fixa que quem quiser se aposentar precisará cumprir 25 anos de contribuição e ter ao menos 65 anos de idade se for homem ou 62 anos de idade se for mulher.

Para ter acesso à aposentadoria completa, passaram a ser necessários 40 anos de contribuição – e não mais 49.

Essa é a proposta que já foi aprovada pela Comissão da Câmara dos Deputados e que será votada pelo plenário da Casa nos próximos dias.

Nenhum comentário: