quarta-feira, 10 de maio de 2017

É uma pena...

Mais um consórcio quer suspender obra de trecho do São Francisco
Processo enrolado
Pedro Carvalho - Veja.com
Transposição do Rio São Francisco, próximo a Cabrobó (PE) 

Mais um consórcio entrou na Justiça no enrolado Eixo Norte do Rio São Francisco. A construtora Marquise, segunda colocada no edital, pede a inabilitação da Passarelli, primeira colocada e com proposta R$ 75 milhões mais barata, e da Emsa-Sitom, terceira colocada, declarada vencedora após imbróglio.

A Marquise alega preencher todos os requisitos e pede que seja habilitada para a obra. Com isso, pede que o processo seja suspenso até decisão do juiz.

Nenhum comentário: