quarta-feira, 5 de abril de 2017

O combinado é o combinado...

LAVA-JATO
GUILHERME AMADO
OGlobo
Em sua delação, Jonas Lopes, ex-presidente do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro, conta que foi no apartamento de Luiz Fernando Pezão, no Leblon, o jantar, em 2013, para os conselheiros do tribunal acertarem o pagamento de propina.

Um comentário:

Anônimo disse...

EITA PEZÃO, TU DEIXOU RASTRO!

TAMBÉM, MACHO, CALÇANDO 47.