segunda-feira, 24 de abril de 2017

Jota Júnior tem parada cardíaca e morre em Minas Gerais
ParlamentoPB
O apresentador de rádio e televisão Jota Júnior morreu na manhã de hoje em Belo Horizonte, Minas Gerais. Ontem, o radialista havia sido transferido de Fortaleza, onde estava internado há meses para tratamento de um grave problema pulmonar, para Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde iria começar uma nova etapa de acompanhamento médico dada a gravidade de seu estado de saúde. Josival Júnior de Souza, nome de batismo do comunicador, foi transportado em uma UTI aérea, mas sofreu uma parada cardíaca no voo e a equipe teve que parar em Belo Horizonte para removê-lo a um hospital. Hoje de manhã, ele não resistiu e faleceu.

A informação foi confirmada por uma sobrinha de Jota, Raquel de Souza, ao programa Correio da Manhã, da 98 FM.

Natural de Campina Grande, o radialista Josival de Souza Júnior, 60 anos, tornou-se conhecido em todo o Estado da Paraíba quando começou a apresentar o programa policial "Correio Verdade", na TV Correio, onde conseguiu visibilidade e adentrou na carreira política, sagrando-se vencedor na disputa à prefeitura de Bayeux contra a candidata a reeleição Sara Cabral (PTB), em 2004. Com carisma e um jeito próprio de convencer, foi vencedor da disputa por uma diferença de quase 10.000 votos. Jota Júnior governou a cidade de Bayeux desde 1 de Janeiro de 2005, tendo sido reeleito em 2008 quando concorreu com o ex-prefeito Expedito Pereira.

Nenhum comentário: