quarta-feira, 26 de abril de 2017

GOVERNO
GUILHERME AMADO
O Globo
O esforço do governo é aprovar hoje a reforma trabalhista com o placar de pelo menos 308 votos no plenário, número que seria suficiente para aprovar a reforma da Previdência. A aprovação da trabalhista exige maioria simples, ou seja, 257 votos, mas o Planalto quer demonstrar que tem uma base fiel o suficiente para chegar aos três quintos (308) dos votos necessários para a Previdência.

Nenhum comentário: