terça-feira, 4 de abril de 2017

DURA CRÍTICA
GILMAR MENDES DIZ QUE TST É UM 'LABORATÓRIO DO PT'
PARA MINISTRO, O ÓRGÃO É COMPOSTO POR SIMPATIZANTES DA CUT
PRESIDENTE DO TSE E MINISTRO DO STF, GILMAR MENDES, DIZ QUE TST É UM LABORATÓRIO DO PT, COMPOSTO POR SIMPATIZANTES DA CUT 

Gilmar Mendes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), chamou o Tribunal Superior do Trabalho (TST) de 'laboratório do PT’ e disse que o órgão conta com simpatizantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT), durante um debate sobre justiça e desenvolvimento do Brasil, nesta segunda (3).

O ministro criticou o TST ao falar sobre a composição de tribunais. “O TST foi o laboratório do PT, foi onde deu certo. E o aparelhamento foi exitoso exatamente no âmbito do TST. Hoje, o tribunal é composto por muitos simpatizantes que foram indicados pela CUT. E nós temos um direito do trabalho engessado. O país tem 13 milhões de desempregados e com um sistema inflexível.”

O Tribunal Superior do Trabalho é composto por 27 ministros, com mais de 35 e menos de 65 anos, nomeados pelo Presidente da República, após passar por aprovação do Senado.

Em relação ao STF, Mendes garante que os ministros passam por uma avaliação antes de ingressarem no tribunal. De acordo com o ministro, o mesmo não aconteceu no TST. “A sociedade não fiscalizou o provimento de vagas no sistema do TST.”

Chapa Dilma-Temer
Gilmar Mendes evitou comentar sobre a cassação da chapa Dilma-Temer, mas afirmou que o julgamento, que começa nesta terça (4), será analisado com cuidado e que pedidos de vista podem ser realizados.

O ministro comentou ainda sobre os governadores que têm processos de cassação em andamento. “O tribunal vai fazer a avaliação certamente das situações concretas, da gravidade do que se impõe, da possibilidade de impor outra sanções e claro questões outras que possam permear a temática.”

Nenhum comentário: