quarta-feira, 26 de abril de 2017

Coluna Painel - Folha

Cerco fechado Parecer de auditores do TCU, que será levado ao plenário nesta quarta (26) pelo ministro Augusto Sherman Cavalcanti, recomenda abertura de tomada de contas especial sobre empréstimos feitos pelo BNDES à JBS, durante os governos Lula e Dilma Rousseff. A tendência é que o ministro chancele a indicação da unidade técnica. A tomada de contas abre possibilidade para que a corte responsabilize a diretoria do BNDES pelas ações e peça o ressarcimento de dano ao erário.

Chamada Os auditores recomendam que o ex-presidente do BNDES Luciano Coutinho e outros dirigentes da época sejam chamados a dar explicações sobre os negócios que aprovaram.

Nenhum comentário: