domingo, 9 de abril de 2017

A jornalista da CNN queria que o entrevistado sírio criticasse Trump. Deu errado.


O politicamente correto dando as caras dessa vez lá pela CNN, só que esqueceram de combinar com o sírio. A dor de barriga que deu na repórter foi impagável.

Um comentário:

Marcos Diniz disse...

Bons tempos dos jornalistas socialistas de caviar!