sábado, 18 de março de 2017

"Se fosse qualquer outro país, essa notícia já estava em destaque em toda mídia, mas como é em Cuba..."

Ditadura cubana prende cineasta brasileiro por tentar gravar a miséria da ilha (Assista)
Ilisp

Um cineasta brasileiro, que tentava entrar na casa de uma senhora para mostrar a situação precária de muitos cubanos, é preso após a presidente do comité da revolução do bairro delatar para a polícia cubana.

No video gravado pelo cineasta mostra o momento em que o brasileiro é preso logo após entrar na casa de uma cubana. A presidente do comité chega para averiguar e chama os policiais. A chivata, assim como é conhecido os cubanos que “deduram” para o governo, ainda pergunta para a senhora o motivo de ter deixado o cineasta entrar e explica que não pode abrir a própria casa para qualquer um antes de saber o motivo. Um outro cubano que aparece no vídeo parece preocupado com a presença do cineasta, o brasileiro tenta acalmá-lo dizendo que não é um espião dos EUA. O cubano depois questiona: você vai voltar para o Brasil e eu vou ficar aqui.


Nenhum comentário: