sexta-feira, 3 de março de 2017

Angolana reflete sobre o movimento negro vitimista. Próximo!

Um comentário:

Anônimo disse...

RAPÁ, VOU CRIAR UM MOVIMENTO VITIMISTA.

QUE VOCÊS DIZEM DE UM:

"MOVIMENTO COXINHA VITIMISTA"