quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Pensando bem...

75 vítimas fatais no Espírito Santo ganharam muito menos atenção midiática do que 55 bandidos mortos dentro de penitenciária
JornalLivre

No início do ano, deu-se início à crise penitenciária em estados do norte e nordeste do país. Em uma penitenciária de Manaus 55 bandidos foram mortos em uma guerra entre facções criminosas, fato que repercutiu por semanas e que foi o assunto da primeira quinzena, estampado em todos os jornais até mesmo internacionais.

Um mês depois, a greve da PM no Espírito Santo resultou em um estado de insegurança plena e total calamidade. Com isso, até agora pelo menos 75 pessoas foram assassinadas em apenas dois dias. Embora o caso tenha sido noticiado em alguns jornais, o mesmo não recebeu nem metade da atenção dada para a morte de bandidos ligados ao PCC no começo de janeiro.

De que lado a mídia está?

2 comentários:

Anônimo disse...

PCC É TECH, PCC É POP, PCC É COOL!

PRÁS GROBO O RESTO É O RESTO.

Anônimo disse...

PCC É TECH, PCC É POP, PCC É COOL!

PRÁS GROBO O RESTO É O RESTO.